Depois de viajar internacionalmente

Depois de viajar internacionalmente

Você pode ter sido exposto à COVID-19 em suas viagens. Mesmo que se sinta bem e não apresente sintomas, existe a possibilidade de contágio, e você pode acabar contagiando outras pessoas. Você e seus acompanhantes de viagem (incluindo filhos) representam um risco para seus familiares, amigos e para sua comunidade durante 14 dias após você ter sido exposto ao vírus.

Independentemente das atividades realizadas ou do destino de sua viagem, adote as seguintes precauções para impedir que outras pessoas contraiam a COVID-19:

  • Quando você estiver com outras pessoas, mantenha pelo menos 2 metros de distância de qualquer uma delas, mesmo que não tenha viajado com você, particularmente em áreas cheias de gente. É importante respeitar essa distância – dentro e fora de casa.
  • Use máscara para manter seu nariz e sua boca cobertos quando estiver em espaço compartilhados fora de sua casa, inclusive quando estiver usando o transporte público.
  • Se houver pessoas no domicílio que não viajaram com você, use máscara e peça a outra pessoa da casa para usar máscara ao compartilhar espaços dentro de sua casa por 14 dias após a viagem.
  • Lave suas mãos com frequência ou use um desinfetante com álcool, pelo menos, 60%.

Observe seu estado de saúde. Fique atento aos sintomas de COVID-19 e meça sua temperatura corporal caso não se sinta bem.

Faça o teste e fique em casa depois de viagem de maior risco

Fazer o teste antes e depois da viagem pode reduzir o risco de espalhar a COVID-19. Os testes não eliminam todos os riscos, mas quando juntos com um período em que ficou em casa e tomou todas as precauções como o uso de máscara e distanciamento social, eles podem tornar a viagem mais segura ao reduzir a propagação em aviões, aeroportos e destinos dos viajantes.

Se você participou de atividades de maior risco durante sua viagem internacional, tome as atitudes listadas acima E faça o seguinte após viajar:

  • Faça o teste 3-5 dias após viajar E fique em casa por 7 dias após viajar.
    • Mesmo se você testar negativo, fique em casa por 7 dias completos.
    • Se você testar positivo, fique isolado para se proteger e proteger os outros da infecção.
  • Se você não for testado, é mais seguro ficar em casa por 10 dias após a viagem.
  • Evite ficar próximo de pessoas que têm maior risco de doença grave por 14 dias, independentemente se foi ou não testado.

Siga sempre as recomendações ou exigências estaduais e locais relacionadas à viagem.

Atividades de maior risco

A seguir estão algumas atividades que colocam você em maior risco de contrair a COVID-19:

  • Viagem de um país ou território dos EUA com um nível 2, nível 3 ou nível 4 em Notificação de Saúde para Viagem.
  • Comparecer a um encontro social com muitas pessoas como um casamento, funeral ou festa.
  • Participar de eventos públicos, como jogos esportivos, shows ou desfiles.
  • Ficar em locais lotados como restaurantes, bares, centros fitness ou cinemas e teatros.
  • Usar transporte público como trens ou ônibus ou ficar em aeroportos.
  • Viajar em navios de cruzeiro ou barcos fluviais.

O que fazer se você adoecer depois da viagem ou testar positivo

Se você ficar doente e apresentar febre, tosse ou outros sintomas de COVID-19 ou testar positivo:

  • Fique em casa e tome outras precauções.. Evite o contato com outras pessoas até que seja seguro encerrar seu isolamento em casa.
  • Não viaje quando se sentir doente ou indisposto.
  • Você pode estar com COVID-19. Caso tenha contraído a doença, saiba que a maioria das pessoas se recupera em casa, sem assistência médica.
  • Mantenha contato com seu médico. Ligue antes de ir a um consultório médico ou pronto-socorro e informe sobre a possibilidade de você estar com COVID-19.
  • Se você apresentar algum sinal de emergência   (inclusive problemas respiratórios), busque assistência médica imediatamente.
  • Caso conviva com outras pessoas em espaços limitados, tome precauções adicionais para protegê-las.

Se tiver uma consulta médica que não possa ser adiada, ligue antes para o consultório e informe que você tem ou pode estar com COVID-19. Isso ajudará a proteger os profissionais e os pacientes do consultório. Consulte a página do CDC sobre O que fazer se você estiver doente para mais informações.